quinta-feira, 30 de agosto de 2012

Polícia divulga fotos dos envolvidos no assassinato do soldado Jurandy


Damião, Caíque, Iago, Lau, Miau e Renato, mortos em confronto com policiais
Ainda com dois elementos foragidos as polícias Militar e Civil   em Jequié consideram elucidado o crime ocorrido na noite de domingo (26), que teve como vítima o soldado da Polícia Militar e candidato a vereador Jurandy Santos Oliveira. Durante o período de investigação, seis integrantes do grupo que participou do crime, foram mortos em confrontos com os policiais.
Lucas está preso
Dois outros – Lucas Matos de Almeida, 21 anos, o “Lukinha” e Michel Xavier Paixão, estão presos e confirmaram em depoimentos as suas  participações no homicídio, contando em detalhes o desenrolar dos fatos até a execução do soldado PM. Na quarta-feira (28) estiveram em Jequié o comandante geral da Polícia Militar da Bahia, Coronel Alfredo Braga Castro acompanhado do delegado chefe da Polícia Civil, Hélio Jorge, que estiveram reunidos na sede do 19º Batalhão de Polícia Militar com autoridades, representantes da sociedade organizada e da família da vítima. Na oportunidade eles ouviram detalhes da ação  pelo  comandante do Policiamento Regional Sul Coronel PM  Reis e do tenente coronel Serpa comandante da unidade militar de Jequié. O coronel Castro revelou que veio a Jequié por recomendação do governador Jaques Wagner com o objetivo de restabelecer a tranqüilidade à comunidade jequieense.

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Postar um comentário